3 de dezembro de 2010


Sabe, chega uma hora em que você se olha no espelho, e não se enxerga mais.

Não sei bem como explicar. É como se não fosse mais você, do outro lado.

Os traços mais fortes estão lá, as cicatrizes... Mas eu consegui camuflar tudo com maquiagem mal feita e o cabelo de cor escura.

E me orgulho disso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário