21 de março de 2011

Ask me Why ;

Difícil dizer o que aquele momento representava pra mim, porque eu estava nervosa, porque acabara de escutar coisas que não queria.

Fechei a cara, cruzei os braços e fiz aquele bico.

Ele me olhou pelo canto dos olhos algumas vezes, e continuou o que estava fazendo, não movi um músculo, continuei a interpretar um soldado inglês mesmo sabendo que era só charme, pois a raiva anterior, passara. Ele voltou a me olhar e eu retribui, também pelo canto do olho. Era nessa parte que ele sorria, e me chamava de chata, mas ele não fez.

- Por que está comigo?

Essa pergunta bateu em minha cabeça me fazendo ficar meio desnorteada, logo esqueci de fazer manha e o encarei como se ele fosse o cara mais estranho do mundo.

- O quê?! – perguntei, mas não sabia ao certo se queria uma resposta.

- Por que você está comigo? – ele repetiu.

Eu pensei, apesar de ter a resposta na ponta da língua.

Ele insistiu.

- Por quê você está comigo? – rebati.

- Fui levando.

- Como?

- É, fui levando, pra ver até onde ia dar – ele disse, em tom sereno. – Te acho firmeza, então não vi problema.

O encarei por alguns segundos, pensando se isso era bom ou ruim.

- E você? – ele voltou a insistir.

Voltei a fazer bico.

- Não vai me responder?

Um, dois, três, quatro...

- Não?

- Não.

Essa não era a resposta que ele esperava, e para mim, soou meio infatil, me perguntei porque aquele 'não' havia saído da minha boca tão mais facilmente.

O silêncio reinou e eu me senti mal, queria dizer que estava ao lado dele, porque gostava do seu jeito, que ele estava me fazendo feliz e isso era bom.

Mas achei melhor meu orgulho falar mais alto, estava cedo para tantas perguntas críticas, que faria nossa bagunça ficar séria.

Deixa estar, se for pra ser, vigora.

4 comentários:

  1. uhuhuhuhu é o amor

    Muito legal o blog
    interessante o post
    vc está de parabéns
    vlw
    <>
    visite-nos e comente tmbm
    gostando siga e avise que retribuiremos
    se seguir deixe o aviso no comentário
    deixando o seu link para retribuirmos
    <>
    grato
    <>
    http://mikaelmoraes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa, gostei muito do texto. As coisas tem que ser mais verdadeira, e não uma brincadeira. Parabéns.
    http://rayrapha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. ô Flor, obrigada pelo seu comentaria, adorei....

    Passei aqui para dar uma espiadinha, e simplesmente adorei seu blog, tudo muito lindo, Tu escreve bem de mais....Parabéns viu....

    Muito Sucesso...

    Bjus

    http://blogcaixadesurpresas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Adorei a maneira como vc escreve!!! Parabéns!!!!
    Sucesso sempre =)

    Já estou te seguindo

    Bjus

    blogdacorujinha

    ResponderExcluir