13 de outubro de 2013

Oceano Pacífico;



Azul. Cor do oceano. Escuro. Frio, e com pedras de gelo.
Quanto mais admirava, mais me afundava, mais me afogava.
Tentei mergulhar, através de sua boca.
Nada.
Como te conhecer?
Como ter você para mim?
Mesmo que seja assim tão escura, tão fria, tão mármore...
Me congela.
Por que te quero, se me causa tanto frio?
Seus olhos, e a profundidade... O fundo que não consigo enxergar, a escuridão ao fundo, bem no centro, não me diz quem você é.
Eis o mistério que quero desvendar.
O que quero descobrir: se mesmo no pólo norte, pode haver vulcão?
Acho que não.
Mas você continua a me encarar, com esses olhos cor de mar.
Enigmas que não consigo desvendar.
Essa boca que quero beijar.
Meio rosada, combina com sua pele cor de neve.
Vontade de afagar.
Mas você não se aproxima, não me deixa chegar.
Por que sofro tanto com isso?
Por que o azul dos seus olhos me chama?
São tão frios, QUE QUEIMA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário